Notícias

Saúde e bem-estar: Diga sim ao chocolate!

Data publicação 26/06/2018
Segundo um estudo recente feito por pesquisadores norte-americanos, o chocolate com maior teor de cacau pode ser benéfico à memória e ao coração, uma vez que auxilia na redução dos riscos cardíacos. Cerca de dezoito mil pessoas participaram da pesquisa durante quatro anos, e identificou-se que os flavonoides são os principais responsáveis. 
 
Uma classe de compostos fenólicos de origem natural, os flavonoides (que já chegaram a serem chamados de “vitamina P”), possuem inúmeros benefícios já comprovados ao organismo, como sua ação antioxidante, combatendo os radicais livres que provocam o envelhecimento precoce. Outras características benéficas são as ações anti-inflamatória, vasodilatadora, analgésica, anticancerígena e antiviral. 
 
Vale ressaltar que, por mais que o chocolate esteja liberado – mas sem excessos -, quem traz o benefício é o cacau, e o ideal é procurar produtos com uma maior porcentagem do componente, já que as barras de chocolate mais vendidas comumente possuem uma grande quantidade de gorduras, açúcar e emulsificantes, mas apenas 25% de cacau.
 
Por fim, de acordo com especialistas, o chocolate com alto teor de cacau ainda atua na redução dos efeitos da TPM, a tensão pré-menstrual. Isso porque, durante este período, o gasto calórico aumenta e ocorre uma modificação hormonal que diminui os níveis de serotonina, o que desperta a necessidade de se consumir alimentos doces e calóricos.